• PORTAL G7

Atirador mata funcionário do Serviço Federal de Segurança da Rússia e é eliminado; veja vídeos

Atualizado: 20 de Dez de 2019


O incidente, classificado pelas autoridades como "ato de terrorismo", ocorreu nesta quinta-feira, no centro de Moscou. O homem abriu fogo perto do prédio do FSB.



Foto: Wikimedia Commons


O atirador foi neutralizado e eliminado, segundo o Serviço Federal de Segurança da Rússia. A identidade do homem está sendo levantada pelo FSB, que informou: "Desconhecido abriu fogo perto da casa 12 da rua 'Bolshaya Lubyanka'. Há feridos. O agressor foi neutralizado. Sua identidade está sendo estabelecida".


Vídeo:

https://www.youtube.com/watch?time_continue=7&v=Jw7rFBwzudU&feature=emb_logo


Segundo Svetlana Petrenko, porta-voz do Comitê de investigações da Rússia, pelo ataque às vidas dos agentes da polícia, foi instaurado um processo criminal. No Kremlin, o porta-voz Dmitry Peskov afirmou que, sobre este episódio, o presidente Vladimir Putin está sendo "operativamente informado".


Vídeo:

https://twitter.com/sashakots/status/1207692325100703744?ref_src=twsrc%5Etfw%7Ctwcamp%5Etweetembed%7Ctwterm%5E1207692325100703744&ref_url=https%3A%2F%2Fbr.sputniknews.com%2Frussia%2F2019121914913224-homem-abre-fogo-em-moscou-perto-do-predio-do-fsb-e-deixa-1-ferido%2F


Vários meios de comunicação chegaram a relatar que três homens efetuaram diversos disparos de arma de fogo, na área central da capital russa. O FSB desmentiu as notícias, enfatizando que o atirador agiu sozinho, e classificou a ação como "ato de terrorismo". De acordo com o Ministério da Saúde, em decorrência do tiroteio, cinco pessoas ficaram feridas.


Da Redação, com informações da Sputnik News














2 visualizações0 comentário