• PORTAL G7

Brasil: 1.454 mortes; quase 38 mil novos contaminados


País acumula mais de 470,8 mil mortes e de 16,8 milhões de casos confirmados de Covid-19, desde o início da pandemia. Recuperados correspondem a 15,2 milhões de pessoas.


Foto: YouTube



O Brasil registrou oficialmente nesta sexta-feira (04/06) 1.454 mortes ligadas à Covid-19, segundo dados divulgados pelo Conselho Nacional de Secretários da Saúde (Conass).


Também foram confirmados 37.936 novos casos da doença. Com isso, o total de infecções no País chega a 16.841.408, e os óbitos somam 470.842. Os números desta sexta-feira do Conass incluem os óbitos em Minas Gerais, nas últimas 48 horas.


Diversas autoridades e instituições de saúde alertam, contudo, que os números reais devem ser ainda maiores, em razão da falta de testagem em larga escala e da subnotificação. Além disso, com o feriado de Corpus Christi, na quinta-feira, é provável que menos testes tenham sido realizados e menos óbitos e casos tenham sido reportados.


O Conass não divulga número de recuperados. Segundo o Ministério da Saúde, 15.239.692 pacientes haviam se recuperado da doença até quinta-feira.


Já a taxa de mortalidade por grupo de 100 mil habitantes subiu para 224,1 no Brasil, a 10.ª mais alta do mundo, quando desconsiderado o país nanico de San Marino.


Em números absolutos, o Brasil é o segundo país do mundo com mais mortes, atrás apenas dos Estados Unidos, que somam mais de 596 mil óbitos. É ainda o terceiro país com mais casos confirmados, depois de EUA (33,3 milhões) e Índia (28,5 milhões).


Ao todo, mais de 172,3 milhões de pessoas contraíram oficialmente o coronavírus no mundo, e 3,7 milhões de mortes associadas à doença foram notificadas.


Fonte: DW

2 visualizações0 comentário