• PORTAL G7

Caixa amplia o prazo de interrupção da prestação habitacional por até 120 dias


Clientes que já solicitaram a suspensão da cobrança por 90 dias e foram atendidos podem pedir a complementação.



Foto: YouTube



A CAIXA disponibiliza, a partir da próxima segunda-feira (18), uma ampliação da interrupção da alimentação por um período de 120 dias para pessoas físicas que já solicitam suspensão temporária de 90 dias do financiamento habitacional e Crédito Imobiliário Pessoal (Página Inicial) e tiveram o pedido atendido. Para quem decide aplicar uma suspensão temporária de prestações a partir de agora, o período de pausa já será de 120 dias no total.


A ampliação do período de pausa também está disponível para os clientes. Aqueles que pediram uma pausa de 90 dias e foram atendidos podem solicitar complementação, totalizando 120 dias. Esta condição é válida para financiar a produção de empreendimentos e financiar a aquisição e construção de imóveis comerciais - individual. O cliente pessoa jurídica que ainda não pediu uma pausa, já pode solicitar um total de 120 dias.


Para o presidente da CAIXA, Pedro Duarte Guimarães, “para conceder um contrato habitacional a quatro meses, o banco oferece às pessoas e empresas uma oportunidade de reprogramar o seu orçamento diante das dificuldades que enfrentam nesse período”, comenta.


A medida faz parte das ações do banco para oferecer aos clientes alternativas para enfrentar os efeitos causados ​​pela economia pela pandemia do COVID-19.


Balanço


Até o momento, mais de 2,3 milhões de mutuários já solicitaram uma pausa na prestação habitacional. Atualmente, 22 serviços são oferecidos pelo banco de aplicativos e telefones para maior comodidade e segurança dos clientes.


Saiba mais:


http://www.caixa.gov.br/atendimento/aplicativos/habitacao/Paginas/default.aspx


Durante ou período de pausa ou contrato não está isento de incidência de juros, seguros e taxas. Os valores dos encargos pausados ​​são acrescidos ao saldo devedor do contrato. A taxa de juros e o prazo contratados não são alterados.


Quem pode solicitar


  • Clientes pessoa física com contratos em dia ou com até 180 dias de atraso, bem como clientes que utilizam o FGTS para abater uma parte da oferta também pode solicitar o serviço.


  • Clientes pessoa jurídica com contratos em dia ou atraso de até 60 dias (2 prestações).


Como solicitar


Cliente pessoa física: Para solicitar uma pausa, basta acessar o aplicativo Habitação CAIXA ou registrador ou pedido de telefones 3004-1105 e 0800 726 0505, ou forma automatizada pelo 0800 726 8068, opção 2.4.2 de segunda a sexta e aos sábados de 10h às 16h (exceto feriados).


Para os clientes que já fizeram a opção de interromper 90 dias, uma prorrogação por 120 dias será automática, não sendo necessária a nova solicitação.


Caso o cliente faça uma opção de pausa e resolva solicitar o cancelamento, poderá usar os telefones de telesserviço disponíveis.


Cliente pessoa jurídica: uma pausa para contratos de aquisição e construção de imóveis comerciais (individuais) pode ser solicitada pelo número 0800 726 8068, opção 2.4 ou requerida pelo gerente de relacionamento. Para contratos de financiamento para produção de empreendimentos, uma solicitação é realizada por meio do gerente de relacionamento.


O contato com seu gerente deve ser realizado preferencialmente por meio eletrônico.


Serviço:


Aplicativo Habitação CAIXA - disponível para sistemas operacionais Android e iOS e pode ser baixado gratuitamente no Google Play ou na App Store.


3004-1105 e 0800 726 0505 - disponível de segunda a sexta-feira das 8h às 20h.


0800 726 8068 - segunda-feira a qualquer horário e aos sábados das 10h às 16h.


Fonte: CEF

7 visualizações0 comentário